Como funcionam as aceleradoras de startup no Brasil

como-funcionam-as-aceleradoras-de-startup-no-brasil

Como funcionam as aceleradoras de startup no Brasil

O que são aceleradoras de startups?

 

É bastante comum ouvir a expressão “aceleradora de startups” ou “aceleradora de negócios”, mas o que realmente significa essa expressão?

 

Uma aceleradora de negócios ou de startups é um método muito interessante de fazer com que startups e empreendimentos de potencial consigam recursos e expertise para alavancar seus rendimentos e atingir seu potencial em um prazo mais curto do que seria necessário sem sua presença.

 

As aceleradoras se utilizadas de uma metodologia aberta e oferecem, em geral, apoio financeiro, consultoria técnica e ou profissional, treinamento e gestão e também participação em eventos e networking. Por oferecerem uma estrutura com grande potencial e, muitas vezes, aporte financeiro considerável, as aceleradoras recebem participação acionária no empreendimento.

 

Quais os benefícios de contar com uma aceleradora de startups?

 

Além do aporte financeiro, da possibilidade de treinamento, gestão e consultoria técnica e profissional, contar com uma aceleradora de startups pode ser especialmente interessante por permitir que seu projeto seja inserido em um ambiente com outras startups, o que tornará o networking mais fácil e mais interessante.

 

Além disso, também será possível contar com suporte profissional e expertise de mercado, o que pode ser o diferencial entre atingir o sucesso e ter dificuldades para se manter funcionando dentro do mercado cada vez mais concorrido do empreendedorismo mundial.

 

Como funcionam as aceleradoras no Brasil?

 

No Brasil, as aceleradoras seguem a metodologia de mercado mundial, ou seja, se utilizam de conceitos como: análise da capacidade e adequação da empresa ao mercado; possibilidade de crescimento escalável e com demanda potencial; potencial de inovação e de comprometimento; modelo de negócios eficaz e eficiente.

 

O Brasil conta hoje com um mercado forte no setor de aceleradoras de startups, contando com mais de 40 aceleradoras bem-estabelecidas. Grande parte das aceleradoras está localizada no Estado de São Paulo, mas quase todas aceitam projetos de outros Estados.

 

No mercado brasileiro, as aceleradoras tendem a investir entre R$ 45 mil a R$ 250 mil, dependendo de detalhes como segmento, escalabilidade, possibilidade de crescimento de mercado e também potencial de inovação.

 

Não são exigidos detalhes do Plano de negócios durante a seleção na grande maioria das aceleradoras brasileiras, mas algumas delas exigem detalhes do Business Model Canvas, com Proposta de Valor, Fontes de Receitas e Segmento de Clientes.

 
 

Este texto foi retirado do nosso ebook O Manual da Startup de Sucesso

Clique Aqui para acessar o ebook gratuito

 

Cesar Vargas